sábado, 1 de janeiro de 2011

Minhas Previsões de Ano Novo

Esse começo de ano é o momento em que ledores de mãos, botadores de tarô, jogadores de búzios e outros quejandos conseguem minutchinhos de fama na televisão para falar bobagens a respeito do ano novo. O objetivo da televisão é meramente encher linguiça — e não há melhor modo de fazer isso do que dando ao telespectador a ração de ignorância e superstição que ele tanto aprecia fuçar. O objetivo do «místico» da vez é sempre aparecer, fazer propaganda de si mesmo e de seus «talentos sensoriais» a fim de conseguir fregueses.

E já que tem tanta gente fazendo isso, e ligando para isso, e ganhando dinheiro com isso — por que não eu? Exercitar-me-ei em uma série de predições para o ano novo.

Bem, e com que base o farei — decerto indaga algum espírito-de-porco que me lê. Evidentemente com toda a base necessária: algum conhecimento oculto, que só eu entendo, ligado a um talento especial, que só pessoas como eu entendem. Então você não tem que perguntar como eu sei dessas coisas, tem só que acreditar que eu obtive essas revelações. Se insistir muito, eu lhe digo que sou formado em História e como diz o Paulo Coelho, numa célebre letra cantada pelo Raul Seixas: Eu sou astrólogo, eu conheça a História do princípio ao fim. Exato, isso mesmo, você entendeu. Na qualidade de licenciado em História eu possuo conhecimentos para interpretar os rumos arcanos dos acontecimentos e fazer extrapolações sensatas para o futuro. E tenho certeza de que minhas previsões fazem mais sentido do que as do «Jorge da Fé em Deus», o célebre pai-de-santo baiano que previu que o Brasil ganharia a Copa do Mundo de 1982 e ainda decretou o adversário e o placar: Brasil 2x1 Argentina.

Seguem as previsões:

  • O ex-vice presidente José Alencar terá graves problemas de saúde.

  • O Flamengo anunciará planos de contratar pelo menos uma grande estrela do futebol internacional, mas não vai contratar ninguém.

  • Um parente de Michael Jackson dará entrevista a algum programa de televisão nos Estados Unidos afirmando que ele foi assassinado!

  • Silvio Berlusconi fará declarações polêmicas, que irritarão os líderes de outros países.

  • Os baianos afirmarão ter inventado um «novo ritmo» que, no entanto, será igual ao pagode e só terá um passinho diferente na dança.

  • Barack Obama terá dificuldades para implementar seus planos de governo.

  • Celso Roth não terminará o ano como técnico do Internacional, a menos que vença o campeonato gaúcho.

  • O presidente Lula seguirá tendo grande influência sobre o governo.

  • Haverá um golpe de estado em um país da África.

  • O site WikiLeaks publicará alguns segredos militares americanos.

  • O primeiro ministro do Japão renunciará.

  • A China apertará a censura contra sua população, especialmente na Internet.

  • A AIDS fará muitas vítimas no mundo inteiro, especialmente na África.

  • Haverá uma epidemia de dengue no Brasil.

  • Julian Assange será absolvido da acusação de estupro.

  • Paulo Coelho receberá uma homenagem no exterior.

  • Um astro do futebol brasileiro será contratado por um clube da Europa.

  • Haverá um atentado terrorista protagonizado por muçulmanos radicais.

  • Uma célula de simpatizantes do nazismo será «estourada» pela polícia no Brasil.

  • As seleções brasileiras participarão da Liga Mundial de Vôlei.

  • A Rede Globo apresentará no dia 31 de dezembro de 2011 um programa gravado contendo trechos musicais interpretados por números de sucesso da música popular.

  • Jorge Kajuru será processado.

  • Muitos técnicos perderão seus cargos nas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro.

  • Acusações de corrupção derrubarão um político no Brasil.

  • O resultado do Carnaval carioca será muito polêmico.

  • Haverá grande atrito político entre a Coreia do Norte e a do Sul, mas não guerra declarada.

  • Eu lançarei um livro, pela Editora Multifoco.

  • Um líder muçulmano conclamará seus seguidores a matar uma personalidade europeia ou americana que supostamente ofendeu o Islã.

  • Palestinos serão mortos pelas Forças de Defesa de Israel.

  • Um brasileiro vencerá corridas de automóvel no exterior.

  • «Lula, O Filho do Brasil» não vencerá o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

  • São Paulo sofrerá com alagamentos causados por chuvas de verão.

  • Um novo modelo de automóvel será lançado.

  • O papa dará uma declaração sobre planejamento familiar.

  • A tese do Aquecimento Global Antropogênico sofrerá duras críticas de «pesquisadores independentes».

Quem quiser mais previsões, pode também consultar o Capitão Óbvio.